Multimídia

Multimídia

PodCast Justiça nos Trilhos

PodCast Justiça nos Trilhos

Cordel 15 anos - A Justiça nos Trilhos (JnT) foi criada em 2007 como campanha, cujo objetivo era o de articular as comunidades afetadas pela Estrada de Ferro Carajás (EFC), com a contribuição e assessoria de várias entidades em defesa de direitos. Ao longo dos anos se...

ACMP CELEBRA MAIS UM FRUTO DA SUA LUTA

ACMP CELEBRA MAIS UM FRUTO DA SUA LUTA

Esperar para o povo de Piquiá nunca foi uma opção! Antes do início das obras do reassentamento Piquiá da Conquista, em novembro de 2018, a Associação das Moradoras e Moradores de Pequiá (ACMP), buscou dialogar com os governos estadual e municipal para que haja a...

A VALE ESCONDE, A GENTE REVELA

A VALE ESCONDE, A GENTE REVELA

Dia 30/04, a Vale fará sua Assembleia de Acionistas. Durante o evento, apresentará contas e resultados da empresa, falará de seus lucros e da distribuição deles. Sabemos que a empresa não revelará as violações de direitos humanos e ambientais e crimes que comete. Por...

[Comitê Mineração] Cava: mineração em debate

[Comitê Mineração] Cava: mineração em debate

O Cava tem como objetivo contribuir para um debate crítico sobre o modelo mineral brasileiro. Ele é uma parceria entre o Comitê em Defesa dos Territórios frente à Mineração, a Rede de Pesquisa Rio Doce, o Grupo de Pesquisa Terra e o Centro de Referência em Direitos...

Documentário Não Vale a Pena

O documentário “Não Vale a Pena” representa um esforço coletivo com vistas à denúncia das violações de direitos pela mineração, a partir das perdas e sofrimentos causados pela destruição das águas, como também um manifesto de indignação frente às seguidas tragédias,...

População sofre com impactos causados pela EFC no MA

Por Sidney Pereira Fonte da matéria: TV Mirante Implementado há pouco mais de quatro décadas no Brasil, o projeto “Grande Carajás” prometia o desenvolvimento dos estados do Pará, Tocantins e também do Maranhão. No entanto, no território maranhense o que era para ser...

WYRA’U HAW – A Festa da Menina Moça

O Curta foi produzido pelo coletivo de comunicação popular Pinga Pinga com assessoria da rede Justiça nos Trilhos.O vídeo é um registro do ritual do povo Guajajara, da aldeia Piçarra Preta, da T.I Rio Pindaré, do município de Bom Jardim (MA). A Festa da...

Reintegração de posse do Cajueiro [2]

Vídeo feito pela Proteção Amazônia usando como fonte a Agência Tambor e a Comissão Pastoral da Terra. O vídeo mostra a ação da polícia durante a execução da ação de reintegração de posse na comunidade do Cajueiro, em São Luís/MA. ...

Vigilância Popular em Saúde

terça-feira, 17 de outubro de 2017 Conheça a realidade enfrentada pelas comunidades de Piquiá de Baixo (MA) e Santa Cruz (RJ), e o trabalho de Vigilância Popular realizado por grupos de jovens dessas comunidade. https://youtu.be/RcE528MOJ1g

“No quilombo quem manda é Iemanjá”

“No quilombo quem manda é Iemanjá”

https://soundcloud.com/user-118292786/as-agua-de-sao-paulo-balanceou Maria Dalva Pires Belfort é quilombola do Território Santa Rosa dos Pretos. Ela é filha de santo e seexpressa lindamente pela música. Neste samba ela fala da importância da água para além de saciar a...

Notícias recentes

ANM distribui R$ 549 mi em CFEM a estados e municípios produtores

Fonte: Notícias de Mineração Brasil Big dump truck loading for transport minerals gold,Mining industrial at Thailand A Agência Nacional de Mineração (ANM) distribuiu na segunda-feira (19) R$ 549,37 milhões aos estados e municípios produtores minerais. O valor se...

Dona Máxima Pires, a Guardiã da Natureza e das Comunidades Tradicionais, deixa um legado de resistência

No último dia (13), data dedicada a Santa Luzia, a comunidade de São Luís (MA) e as organizações populares que compõem o Movimento de Defesa da Ilha, os grupos de ativistas ambientais e dos direitos humanos choraram a perda de uma de suas principais lideranças, Dona Máxima Pires. Seu nome, que ecoa como um grito de resistência, está intrinsecamente ligado à luta contra a especulação imobiliária e a defesa das comunidades tradicionais na Ilha de Upaon-Açú.