Notícias em Destaque

Justiça nos Trilhos recebe prêmio Direitos Humanos e Empresas

A Fundação para o Prêmio Direitos Humanos e Empresas  26 de novembro de 2018, Genebra Hoje foi anunciado que a Justiça nos Trilhos receberá o recém-criado PRÊMIO DIREITOS HUMANOS E EMPRESAS, acompanhado de um subsídio no valor de US$ 50.000. A Justiça nos Trilhos é uma organização que trabalha de perto com as comunidades locais, […]

Carta compromisso de religiosos e comunidades afetadas por mineração

Fonte: Iglesia y Minería Foto: Mikaell Carvalho “Nós, bispos, padres, religiosas, religiosos, leigas, leigos, lideranças eclesiais comunitárias, mulheres, jovens, crianças, lideranças indígenas, pescadores, lavradores, participantes do encontro das comunidades atingidas por mineração em diálogo com a Igreja no norte e nordeste do Brasil, realizado no bairro de Piquiá, município de Açailândia (MA), saudamos a todo […]

CNBB promove encontro com comunidades atingidas por mineração

Fonte: CNBB Foto: Mikaell Carvalho/Justiça nos Trilhos Participantes do encontro fazem grito da mobilização junto com moradores | Foto: Mikaell Carvalho/Justiça nos Trilhos A comunidade de Piquiá de Baixo, um bairro no município de Açailândia (MA), é conhecida pela mobilização contra os impactos que sofrem desde a década de 1980 por conta da instalação de […]

“Violações a vida e ao meio ambiente é resultado de falha na estrutura de fiscalização”

Fonte: MAM Comunidade Aurizona no interior do Maranhão vive momento de terror após deslocamento de pilhas de estéril causado por explosão de dinamite na mina de ouro da mineradora Canadense Equinox Gold no último domingo, 4 de novembro.   “É bastante simbólico e sintomático que o desmoronamento do estéril em Aurizona tenha ocorrido um dia antes de completarem três anos do rompimento da barragem de Fundão, propriedade da empresa […]

257 visualizações 442 visualizações

Nota de repúdio sobre os procedimentos da audiência pública 009/2018 da ANTT

Nota de repúdio sobre os procedimentos adotados para a realização da audiência pública 009/2018 que trata da prorrogação antecipada do prazo de vigência contratual da concessionária Estrada de Ferro Carajás A rede Justiça nos Trilhos, coalizão de organizações, movimentos sociais, pastorais, sindicatos, núcleos universitários, que atuam em defesa dos direitos das comunidades que vivem nas […]

526 visualizações 895 visualizações 879 visualizações

Indígenas Xikrin abrem nova batalha judicial contra a Vale

Fonte: Agência Pública Por: Naira Hofmeister Etnia do sudeste do Pará processa mineradora por retirada de cobre em área de uso tradicional, corte irregular de castanheiras e poluição de rios que servem aldeias No dia 10 de julho os indígenas Xikrin deram início a mais nova investida judicial contra a companhia mineradora Vale S.A., a […]

1.054 visualizações

Moradores do Planalto I inauguram biblioteca comunitária

“O meu sonho é ver essa sala de leitura funcionando.”   O dia 15 de julho de 2018 vai ficar marcado na história do Assentamento Planalto I como a data em que toda a comunidade começa a realizar o sonho de uma professora apaixonada pela leitura. Foi o dia em que os moradores inauguraram a […]

1.045 visualizações

Lançado o segundo volume da série Arenas Amazônicas

Fonte: Furo A  série Arenas Amazônicas é um projeto em três volumes que trata de várias formas de resistências das populações da Amazônia Há mais de dez anos uma das maiores mineradoras do mundo, a Vale, usa de inúmeras artimanhas jurídicas para não assinar um termo de ajustamento de conduta (TAC), por conta das situações […]

1.498 visualizações

Projeto Carajás desestrutura comunidades e territórios indígenas

Fonte: Brasil de Fato Por Lilian Campelo Edição: Guilherme Henrique   A exploração minerária causa destruição brutal e promove criminalização de lutas populares   Ouça a matéria: Quando o trem carregado de minério passava por dentro de Santa Rita, no Maranhão, a diversão de Mateus Tainor, com 24 anos, e de outras crianças era correr […]

1.586 visualizações

Investigação descobre madeira nativa em pátio da Vale

Fonte: O Globo Por Patrik Camporez Peças estavam descritas como eucalipto em notas fiscais; material estava preparado para uso em trilhos ferroviários BRASÍLIA – Uma investigação do Ibama descobriu e apreendeu madeiras nativas da Amazônia que seriam utilizadas de forma ilegal na construção de trilhos para ferrovia da empresa Vale. Um total de 14.233 dormentes […]

1.572 visualizações