Empresa Pelicano é multada por crime ambiental no MA

30/08/2018

Empresa Pelicano usou um terreno alugado em Alto Alegre do Pindaré para enterrar lixo e material tóxico como filtros de óleo de combustível, considerado nocivo ao ser humano.

Indígenas Xikrin

Indígenas Xikrin abrem nova batalha judicial contra a Vale

31/07/2018

Fonte: Agência Pública Por: Naira Hofmeister Etnia do sudeste do Pará processa mineradora por retirada de cobre em área de uso tradicional, corte irregular de castanheiras e poluição…

Livro

Lançado o segundo volume da série Arenas Amazônicas

29/05/2018

Fonte: Furo A  série Arenas Amazônicas é um projeto em três volumes que trata de várias formas de resistências das populações da Amazônia Há mais de dez anos…

Lei que autoriza prorrogação de concessões ferroviárias é inconstitucional, afirma PGR

14/08/2018

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, propôs, nesta segunda-feira (13), ação direta de inconstitucionalidade contra a Lei 13.334/2016, que estabelece diretrizes gerais para a porrogração

Planalto I

Moradores do Planalto I inauguram biblioteca comunitária

19/07/2018

“O meu sonho é ver essa sala de leitura funcionando.”   O dia 15 de julho de 2018 vai ficar marcado na história do Assentamento Planalto I como…

Mineração

Projeto Carajás desestrutura comunidades e territórios indígenas

22/05/2018

Fonte: Brasil de Fato Por Lilian Campelo Edição: Guilherme Henrique   A exploração minerária causa destruição brutal e promove criminalização de lutas populares   Ouça a matéria: Quando…

  • Coletivo Pinga Pinga: uma vivência em Piquiá de Baixo

    É com muita alegria que apresentamos a todas e a todos uma exposição fotográfica sobre a comunidade de Piquiá de Baixo, no município de Açailândia (MA). As fotografias foram feitas com telefone celular.

    Esse material foi feito por nós do Coletivo Pinga Pinga em parceria com a equipe de comunicação da Justiça nos Trilhos, que possibilitou uma formação sobre comunicação para jovens de comunidades do Corredor de Carajás.

    A oficina é de grande utilidade para nós jovens das comunidades e territórios que compõem o COLETIVO PINGA PINGA!!!

    Fotos: Dani Gomez, Genilson Guajajara, Jordania Silva e Ninguém

    OUSAR LUTA!CONSTRUIR UMA COMUNICAÇÃO POPULAR!?️

     

    No Images found.

  • Hydro polui Rio Murucupi e tira direitos dos moradores de Barcarena/PA

    “É injusto que eles fiquem com os lucros e nós fiquemos com o prejuízo”

    Vídeo documentário sobre Gibrié de São Lourenço (Barcarena/PA), uma das comunidades localizadas às margens do Rio Murucupi, afetadas pelos vazamentos das barragens de rejeito da empresa Hydro Alunorte, em fevereiro de 2018. O documentário, que é uma produção do Grupo Mídias Alternativas na Amazônia (UFPA) em parceria com a Fase Amazônia e a Justiça nos Trilhos, traz denúncias e relatos dos moradores dessa comunidade quilombola que tem seus direitos retirados pela ganância da exploração mineral. A falta de responsabilidade das empresas e a omissão dos governos municipal, estadual e federal aumentam os transtornos e indignação dos moradores de Barcarena, principalmente porque os rios e igarapés são fonte de vida para eles.

  • Piquiá de Baixo assina contrato para liberação de financiamento do projeto de reassentamento da comunidade

    Matéria da Justiça nos Trilhos veiculada no Jornal Amazônia é Notícia, da Rede de Notícias da Amazônia, no dia 18 de setembro de 2018. Trata sobre mais um importante passo dado para o projeto de reassentamento da comunidade de Piquiá de Baixo: a assinatura junto à Caixa Federal Econômica do contrato que libera recursos para a construção do novo bairro.


  • Um grito no ar: comunicação e criminalização dos movimentos sociais (UnB/FAC) – entrevista com padre Dário Bossi

    Ebook “Um grito no ar: comunicação e criminalização dos movimentos sociais” (UnB/FAC), traz uma entrevista com o padre Dário Bossi. O tema é a resistência aos projetos socioeconômicos que ameaçam comunidades no corredor Carajás (PA e MA) e a cobertura da mídia. Assinada pelos jornalistas Roseane Arcanjo Pinheiro e Mikaell Carvalho.

    Acesso e baixe o livro gratuito: umgritonoar_1207

Piquiá de Baixo