Centro dos Farias – MA

terça-feira, 16 de junho de 2015
102 visualizações

Centro dos Farias é um povoado localizado à margem da Ferrovia Carajás, zona rural do município de Buriticupu (MA). Sua ocupação remonta à década de 1990, quando seus primeiros moradores ocuparam a área…


_mg_9958.jpg1.Sobre a comunidade

Centro dos Farias é um povoado localizado à margem da Ferrovia Carajás, zona rural do município de Buriticupu (MA). Sua ocupação remonta à década de 1990, quando seus primeiros moradores ocuparam a área. O povoado possui aproximadamente 43 famílias com uma população estimada em 200 habitantes, grande parte sobrevive das atividades ligadas à agricultura, pecuária e pesca para o autosustento e venda do excedente, além dos programas sociais do Governo Federal.

2. Conflito
Os problemas causados pelos empreendimentos da Vale S.A. são: dificuldade na travessia ocasionando mortes por atropelamento de pessoas e animais. O único ponto de travessia seguro é por meio de um túnel que fica a 1 km de distância do aglomeramento populacional; barulho forte e constante das buzinas dos trens; estradas de acesso ao povoado são intrafegáveis. O povoado ficou isolado; constantes alagamentos pela água que jorra dos boeiros e escoa na comunidade; não fornecimento de serviços de telefonia fixo ou móvel.

Com a duplicação da ferrovia os moradores temem o agravamento dos problemas existentes e o surgimento de novos. Algumas residências dentro da faixa de domínio da ferrovia (40m de cada lado a partir do eixo da estrada), podem ser removidas da área.

3.Resistência da comunidade

Em 2012, os moradores do povoado Centro dos Farias participaram de duas reuniões públicas com representantes da Vale, em Açailândia (MA) e em Alto Alegre do Pindaré (MA), sobre a duplicação da ferrovia Carajás.

Entre os anos de 2012 e 2013 a comunidade também parcicipou do curso de alternativas econômicas: agroecologia para melhor aproveitamento socioambiental na realização da principal atividade econômica que já eram desenvolvidas na região.

Em fevereiro de 2013 a comunidade entrou com um pedido de instauração de inquérito civil público ao Procurador-Chefe da Procuradoria da República no Estado do Maranhão (PR/MA). O pedido foi respaldado pelo abaixo-assinado das comunidades do interior do Município de Buriticupu sobre os impactos provocados pela EFC. Os Moradores também propuseram um abaixo-assinado, entregue a empresa Vale, reivindicando restabelecimento da transmissão do sinal de telefonia móvel na região.

4.Reivindicações

A comunidade requer a construção de um túnel próximo a aglomeração populacional do povoado e a construção de uma estação de trem próxima à localidade, além de melhorias na via de acesso ao município.

Reivindicam ainda, que empresa Vale informe se haverá remoção das residências durante a duplicação da ferrovia, e pedem ainda a permanência do cemitério da região, além da restauração do sinal de telefonia.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!