Hotsite sobre Piquiá de Baixo é lançado nessa quarta

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014
123 visualizações

A Associação Comunitária dos Moradores de Piquiá de Baixo (ACMP), a Rede Justiça nos Trilhos (JnT) e o Centro de Defesa da Vida e dos Direitos Humanos Carmem Bascarán (CDVDH-CB) realizam nessa quarta-feira (26) o lançamento de um hosite sobre Piquiá de Baixo.


piquia_de_baixo.jpgA Associação Comunitária dos Moradores de Piquiá de Baixo (ACMP), a Rede Justiça nos Trilhos (JnT) e o Centro de Defesa da Vida e dos Direitos Humanos Carmem Bascarán (CDVDH-CB) realizam nessa quarta-feira (26) o lançamento de um hotsite sobre Piquiá de Baixo.

O objetivo é divulgar em um só espaço todas as informações referentes ao caso emblemático de Piquiá de Baixo, um bairro industrial de Açailândia, localizado no estado do Maranhão e que há mais de duas décadas é ocupado por cinco indústrias de siderurgia. Centenas de pessoas vivem nesse bairro, em meio à poluição gerada pelas siderúrgicas. O hotsite apresenta um panorama completo e atual sobre a situação do bairro, tratando de questões ambientais, sociais, culturais e econômicas.

Na ocasião também será apresentada a peça teatral “Buraco: um panfleto profundo” do grupo Cordão de Teatro, um espetáculo que denuncia os impactos e as contradições do modelo econômico extrativista implantado pelo Programa Grande Carajás nos estados do Pará e Maranhão.

A atividade faz parte da luta dos moradores do bairro Piquiá de Baixo pela conquista de uma moradia digna. O novo site sobre Piquiá de Baixo apresenta oito menus que possibilitam ao público o conhecimento sobre o conflito socioambiental que envolve Piquiá de Baixo. Conta com um arquivo de notícias publicadas em âmbito nacional e internacional, um acervo de pesquisas e estudos já realizados sobre o caso e uma sessão jurídica com todas as informações que podem ser publicadas no que diz respeito às ações judiciais envolvendo o problema. Além disso, o hotsite reúne um acervo de fotografias e vídeos que mostram a real situação na qual se encontra os moradores de Piquiá de Baixo e informações em cinco diferentes línguas: português, inglês, espanhol, italiano e francês.

O evento de lançamento ocorre nessa quarta-feira (26) na sede da Associação Comercial e Industrial de Açailândia (ACIA), localizada à rua Maranhão, 1710, bairro Getat. A partir do lançamento, o site poderá ser acessado pelo endereço WWW.piquiadebaixo.justicanostrilhos.org.

Rede Justiça nos Trilhos

0 Comentários

Deixe o seu comentário!